Óculos de sol no inverno: exagero ou necessidade?

A temperatura despencou? Chegou a hora de marcar um fondue com os amigos e ressuscitar as roupas de inverno. Botas, blusas, cachecóis e luvas deixam de ser peças decorativas no guarda-roupa e viram uniformes dos dias mais frios. Por outro lado, os óculos de sol, tão parceiros no começo do ano, são abandonados ao deus-dará em uma gaveta qualquer. Erro básico! Entenda por que você não deve deixar de usar esse acessório superestiloso no inverno.

 

Moro em um país tropical

A gente sabe que, às vezes, até bate uma vontade de bancar o europeu. Mas não, a gente não mora na Dinamarca, ou na Noruega. A maior parte do nosso país tem temperaturas mais altas durante todas as estações. No ano passado, o Rio de Janeiro chegou a registrar 38 graus em pleno inverno. Com o sol brilhando por tanto tempo, a exposição aos raios ultravioleta aumenta, assim como o risco de catarata e alterações na retina.

 

Um bom par de óculos de sol deve bloquear 75% da luz que chega aos nossos olhos e, no mínimo, 98% dos raios UVA e UVB. Lentes sem proteção UV podem causar ainda mais danos aos olhos. Nas Óticas Diniz, claro, você passa longe de correr esse risco.

 

Descubra quando as crianças devem começar a usar óculos de sol!

 

Sempre jovem

Enquanto não encontrarmos a fórmula de Benjamin Button para rejuvenescer com o tempo, devemos nos cuidar. Os óculos de sol ajudam a proteger a pele ao redor dos olhos da radiação UV, minimizando o aparecimento das linhas de expressão.

 

Até na neve?

Principalmente na neve! É muito mais perigoso e prejudicial expor os olhos ao visitar uma paisagem coberta de neve do que quando vamos à praia. O que parece absurdo foi comprovado por um estudo de uma universidade japonesa. A neve reflete cerca de 80% dos raios ultravioleta. A areia da praia, de 10% a 25%. Ou seja: não tente pagar de gatão e esquiar ou patinar sem os óculos adequados para a neve.

 

Cores das lentes

É sempre bom lembrar que as cores não interferem no bloqueio. O que conta é se a lente tem ou não proteção contra os raios ultravioleta. É claro que a gente sempre aproveita o assunto para dar aquele toque de elegância. Você sabe a cor de lente que mais combina para cada situação?

 

  • Lente Marrom: realça o contraste, deixa os objetos mais nítidos e é bastante indicada para atividades de lazer;
  • Lente Preta: ideal para as pessoas que trabalham na rua e ficam muitas horas expostas ao sol;
  • Lente Verde: filtra a luz azul e aumenta o contraste em ambientes de pouca luz. Não à toa é a queridinha da galera mais experiente;
  • Lente Amarela: famosa pelo alto contraste e conforto. É a lente perfeita para quem não dispensa os óculos de sol nem na hora de dirigir à noite;
  • Lente Cinza: reduz a intensidade da luz e preserva as cores dos objetos. É recomendada para qualquer atividade. O pessoal usa muito para dirigir também. Uma lente democrática e versátil.

 

Você sabe tudo sobre daltonismo? Clique aqui e descubra!

 

E aí, curtiu? Já tem na cabeça a armação que vai compor o seu look de outono/inverno? Antes de correr para uma das lojas das Óticas Diniz, nossos três conselhos finais:

 

  • Evite as lentes pequenas. Escolha um modelo que cubra toda a parte lateral do seu rosto;

 

  • Não abra mão do conforto. Os óculos de sol devem ficar firmes no rosto, sem apertar demais;

 

  • Quem disse que não dá jogo usar óculos de sol e lentes de contato? Eles formam uma ótima dupla de ataque contra os raios solares. As lentes inibem os raios UV e os óculos de sol evitam a queimadura nos olhos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *