Olhos vermelhos ajudam a diagnosticar doenças

Olhos vermelhos ajudam a diagnosticar doenças

Diz o ditado que os “olhos são os espelhos da alma”, que mostram os sentimentos e emoções que estão dentro das pessoas. No dia a dia, eles também dão sinais de quando há algo de errado no organismo. Os olhos vermelhos, por exemplo, podem refletir quando existe algum problema com a visão.

Comumente, os olhos vermelhos podem aparecer em razão de um pouco de shampoo que cai durante o banho ou até mesmo do famoso cisco. Quando acompanhados de coceira, ardência e dor podem ser sintomas de irritação pelo ambiente seco ou até pelo uso de cremes e maquiagem, que causam uma reação alérgica. Porém, outras características deste quadro podem indicar a presença de doenças que afetam diretamente a saúde dos olhos.

Problemas na visão em decorrência dos olhos vermelhos

Durante um exame oftalmológico é possível identificar cada doença indicada pelo estado da vermelhidão dos olhos.  Algumas delas são:

Ceratite

Surge de um desconforto intenso, causado pela dor nos olhos ao piscar, maior sensibilidade à luz, visão borrada, inchaço nas pálpebras e vermelhidão. Os olhos podem lacrimejar ou ter secreção.

Pode ser causada em razão de irritações oculares, irritação química, por poluição, uso prolongado de lentes de contato, disfunções do filme lacrimal e olho seco.

Hemorragias subconjuntivais

Acontece quando uma das veias da parte branca do olho acaba arrebentando e leva a um sangramento no local. Anticoagulantes, picos de hipertensão arterial e traumas leves são as causas mais comuns para acontecer as hemorragias.

Conjuntivite alérgica

Apresenta um cenário de muita coceira nos olhos e nas pálpebras, que também podem ficar vermelhas e inchadas. Há pouca secreção e os olhos não têm secreção amarelada.

Conjuntivite viral

Os olhos ficam bem vermelhos, doloridos, com dificuldade para abrir e pálpebras inchadas. Há uma secreção esbranquiçada.

Conjuntivite bacteriana

Olhos “grudados” e grande quantidade de secreção amarelada, são os principais sinais, acompanhados de olhos inflamados e pálpebras inchadas. Curiosidade: primeiro começa em um olho e depois passa para o outro.

A qualquer sinal ou prolongação do estado de vermelhidão, procure um médico oftalmologista para ter um diagnóstico correto e passar o tratamento mais adequado.

Para proteger seus olhos com óculos de qualidade, conte com as Óticas Diniz.

Para mais dicas e informações, fique de olho em nosso Facebook e Instagram.

 

Fontes

Bem estar

Saúde Abril

Gazeta do Povo

Instituto de Oftalmologia de Curitiba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *